Blog

Tribo RafaBlue

 

Rachadura nos pés: Ffique livre!

29 de novembro de 2016

Saiba como se livrar desse mal nada necessário!

 

Ter pés com rachaduras não é nada bonito neh?!?!? E ninguém quer, certo?!?!?

 

E quando estão rachados até já sei o que vocês fazem, lixa, lixa,lixa, lixa, lixa ( igual a mãe ensinou), depois de esfregar o pé com pedra pomes, o pé fica fininho e maravilhoso, certo? #souvidentehahahahaha

 

Mas vou contar para vocês que isso é a pior coisa a ser feita, pois os pés costumam apresentar essas rachaduras devido ao ressecamento provocado pelo uso de sapatos abertos, andar descalço, poeira e excesso de esfoliação! Mas Rafa, a esfoliação tira esse tecido que não está bom e deixa apenas o novo e o aspecto dos pés fica ótimo!

 

Bom, quando você lixa os pés, está  causando uma “agressão” e isso  retirará as células mortas e os pés ficarão lisinhos, isso é verdade! Porém, o corpo reconhece essa agressão e passa a produzir mais queratina, é um mecanismo de defesa do corpo pois está sendo retirado algo dalí e o corpo irá repor  e nessa nova produção de queratina o pé ficara com a pele mais “grossa” para aumentar a proteção e se defender destas agressões( atito com o solo, uso de lixas etc).  É um efeito rebote, quanto mais "agressão", pior ficará!

 

O que fazer então?

 

  • Hidratar muito, usando cremes e óleos ( pode usar óleo de amêndoas, de semente de uva ou até mesmo o versátil óleo de coco que hoje em dia todas nós temos em casa e até o óleo de girassol ou azeite de oliva extravirgem, aqueles de cozinha mesmo). Gente, não tem desculpa...

 

  • Usar sapatos fechados

 

  • Não andar descalço

 

  • E quando os pés estiverem com rachaduras e sem dor, apenas em caso da ausência de dor, pode-se utilizar o creme de uréia 20%,  você pode manipular ou comprar pronto na farmácia!

Este creme a base de uréia além de ser ótimo hidratante vai deixando a pele dos pés mais fina com o passar do tempo. Amo uréia! 

 

  • Outra dica é usar glicerina com ácido acetilsalicílico (aspirina® ou outra marca), usa-se 2 comprimidos macerados e coloque dentro do vidro de glicerina, depois só usar nós pés e deixar agir uns 10 a 20 minutos.  Repetir esses cuidados no mínimo 2 vezes na semana e no máximo 4 vezes na semana.

 

 

 

 

Aproveite o momento para realizar uma automassagem, deixar as pernas para  o alto para melhorar o retorno venoso e assim  chegará mais nutrientes  e sangue “novo”  nos pés, o que é ótimo!

 

 

Inclusive, uma coisa que é importante salientar é que a falta de vitaminas e minerais  pode fazer com que a pele fique mais ressecada, então uma alimentação saudável e equilibrada é importante.

Outras condições que podem  levar a fissuras nos pés são: pé de atleta, psoríase, eczema, diabetes, doenças da tireóide...

 

E a lixa?

 

Joga fora!

Se for muito difícil desapegar, diminua a frequência de uso e vá diminuindo gradativamente enquanto realiza os cuidados citados acima. Mas o bom mesmo é não usar!

 

Não posso deixar de deixar está dica que também é ótima para os pés! Veja!!!

 

Pessoas com diabetes devem procurar um profissional de saúde capacitado antes de realizar qualquer cuidado com os pés, principalmente se houver ferida, rachadura, dor ou qualquer anormalidade. Neste caso, cada pessoa é avaliada individualmente.

 

Eu não tenho fissuras nos pés, mas conheço quem tem   hahahaha #ficadica

Comment Form is loading comments...